Área do dentista

Ciclo de Atualização reuniu profissionais e acadêmicos em manhã com auditório lotado em Petrolina

Data publicação: 14/02/2020

Responsive image

Na terça-feira, 11 de fevereiro, o CRO-PE promoveu, em parceria com a Faculdade Soberana, a Prefeitura de Petrolina e a ABO-Petrolina, mais uma edição do Ciclo de Atualização no município. O encontro aconteceu no auditório do Nobile Suites Del Rio Petrolina, tendo a presença de mais de 100 Cirurgiões-Dentistas e acadêmicos em Odontologia. A abertura do evento contou com a participação do conselheiro do Regional, Dr. Avelar Amador, do presidente do CRO-PE, Eduardo Vasconcelos e do coordenador de graduação em Odontologia da Faculdade Soberana, Dr. Fábio Carmona.

Os CDs da VIII Gerência Regional de Saúde e os acadêmicos em Odontologia da Região assistiram, durante toda a manhã, aulas com a abordagem de três temáticas: Ética e Atualidades da profissão de Cirurgião-Dentista, com o presidente do Conselho, Eduardo Vasconcelos; Intercorrência em Cirurgia Oral, com o Dr. Joaquim Celestino da Silva Neto e, finalizando a manhã, palestra sobre Intercorrência em Endodontia, com Dr. Glauco dos Santos Ferreira.

"Acredito que a aproximação do Conselho Regional, mesmo na graduação, é muito importante, pois direciona aos acadêmicos as normas éticas, os tornando profissionais capazes de desenvolver a Odontologia eticamente, com sabedoria e dignidade, para com eles e com a comunidade. Os temas abordados são importantes também para a graduação, para inserir e despertar no aluno curiosidade sobre pontos que não são abordados nela, por serem assuntos referentes à especialidade, mas que trarão discussões pertinentes e positivas nas aulas e, principalmente, entre os discentes. Nós agradecemos ao CRO, aos professores e a Faculdade Soberana está de portas abertas para futuros eventos junto ao CRO-PE", comentou Carmona.

"Gostaria de parabenizar, primeiramente, o CRO e o atual presidente pelo excelente evento realizado em Petrolina, que vem a interiorizar a atuação cada vez mais forte do Conselho, chegando até o extremo do Estado. Também parabenizo a todos os envolvidos pelo encontro, tanto pelo ponto de vista técnico-científico como pela adesão dos profissionais e acadêmicos: tivemos um auditório lotado, onde as pessoas puderam se atualizar tanto na parte científica como tirar dúvidas sobre a atuação do Conselho", disse Celestino.

"Para mim, como professor, é uma grande satisfação poder contribuir e colaborar com este Ciclo, levar conhecimento, levar atualização científica, o debate clínico ao interior, às regiões mais distantes da capital. Essa troca de informação com o Cirurgião-Dentista local é muito boa, pois nos faz entender um pouco as dificuldades locais e a problemática que a Odontologia tem de acordo com cada Região. Parabenizo ao CRO pela iniciativa e deixo a minha palavra de incentivo para que a proposta continue: quem ganha é o profissional e assim engrandecemos a Odontologia da nossa Região", finalizou Dr. Glauco.

"A ação itinerante do CRO-PE em Petrolina foi muito válida, pois levou palestras aos acadêmicos dos 5 e 6 períodos da Faculdade Soberana e para os Dentistas das redes municipal e privada. A abordagem da ética na profissão foi muito importante, pois orientou os futuros CDs a fim de evitar infrações éticas, mesmo em período de faculdade e, principalmente, após formado, como também orientou os colegas que, muitas vezes, podem praticar infração ética pelo fato de não ter conhecimento do Código de Ética Odontológica. As palestras de Endodontia e Cirurgia Buco-maxilo-facial também tiveram um benefício fantástico para capacitar e orientar tanto os estudantes como os colegas já formados nestas áreas", pontuou o conselheiro do CRO-PE, Avelar Amador.

Amador enfatizou, ainda, a importância do contato entre o CRO e os profissionais a fim de esclarecimento de dúvidas sobre ações do Regional. "Outro ponto importante foi que, em Petrolina, havia a prática de panfletagem com aliciamento de pacientes, levando uma imagem negativa à Odontologia não só perante a classe mas, principalmente, diante da Sociedade, que pedia uma ação do Conselho para combater tal prática. Isso foi abordado e orientado também a todos os presentes, levando explicações sobre a Resolução que proíbe tal prática."



© 2020 cro-pe.org.br Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por